Seg27032017

Última atualizaçãoQua, 22 Mar 2017 5pm


Back Você está aqui: Home Ação Cultural Segmentos Artes Visuais NOTA DE PESAR PELO FALECIMENTO DO ARTISTA PLÁSTICO MATTEO DOMÊNICO DIGIORGIO

NOTA DE PESAR PELO FALECIMENTO DO ARTISTA PLÁSTICO MATTEO DOMÊNICO DIGIORGIO

MATTEO DOMÊNICO DIGIORGIO

 

O PASSAMENTO DE DOMENICO MATTEO DIGIORGIO, CARINHOSAMENTE CONHECIDO POR MIMO, FOI RECEBIDO COM CONSTERNAÇÃO POR TODOS.

ARTISTA ITALIANO, DESENHISTA, PINTOR, ESCULTOR, MÚSICO, COMPOSITOR E ATOR... ESTUDOU DESENHO E PINTURA NA ALEMANHA E NA RÚSSIA. EXPÔS SEUS RETRATOS EM BERLIM, ROMA, LONDRES, MADRI, BARCELONA, SÃO PETESBURGO, PARIS, NOVA IORQUE, ATLÂNTA, E VÁRIAS CIDADES DO BRASIL E DA AMÉRICA DO SUL.

DE PASSAGEM PRLA CIDADE, RESOLVEU AQUI FINCAR RAÍZES PARA MINISTRAR CURSOS DE DESENHO, PALESTRAS PARA ARTISTAS VISANDO A COMPREENSÃO E ESTÍMULO DA EXPRESSÃO CRIADORA, COMPLEMENTADAS COM EXERCÍCIOS DE EXPRESSÃO CEREBRAL. PONTA GROSSA SE APRESENTAVA PARA ELE COMO NOVO ESPAÇO DE CONQUISTA, POIS SUA ALMA DE ARTISTA ANSIAVA ABORDAR VARIADAS QUESTÕES A PARTIR DE POÉTICAS SINGULARES. SUA BUSCA ERA EVIDENCIAR DIÁLOGOS ENTRE AS LINGUAGENS QUE SÃO TRATADAS EM UNIVERSOS TEMÁTICOS QUE ENVOLVEM QUESTÕES MÚLTIPLAS, TRANSITANDO EM VIAS QUE VÃO DA MEMÓRIA AO CORPO, DA OPERAÇÃO CONCEITUAL AO LÚDICO, DA DISCUSSÃO SOBRE IDENTIDADE E CONSTRUÇÃO SOCIAL ÀS VISUALIDADES CONTEMPORÂNEAS. USAVA DISCURSOS ARTICULADOS PARA DELINEAR UM ESPAÇO POÉTICO MÚLTIPLO PARA DISCORRER ACERCA DAS DIVERSAS INSTÂNCIAS DA ARTE. PENSAVA NO ATO DE EXPOR NÃO COMO SIMPLES APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS, MAS COMO DIÁLOGO E CONSTRUÇÃO DE ENTENDIMENTOS SOBRE ARTE. E PARA ELE A ARTE IMPLICA EM FALAR DE SEU SONHO, DE SUA PAIXÃO, DE SEU GESTO CRIADOR, DA POSSIBILIDADE DE MATERIALIZAR SUAS VISÕES INTERNAS, DE EXPERIMENTAR UM TEMPO FORA DO TEMPO.

REALIZOU A EXPOSIÇÃO “RETRATOS ETERNOS CONTEMPORÂNEOS”, ETERNIZANDO EM SUA OBRA SEUS RETRATADOS.

POR TUDO ISTO, A FUNDAÇÃO MUNICIPAL DE CULTURA DE PONTA GROSSA E OS INTEGRANTES DO CONSELHO MUNICIPAL DE POLÍTICA CULTURAL APRESENTAM SUAS CONDOLÊNCIAS PELA PERDA IRREPARÁVEL DAQUELE QUE SOUBE VALORIZAR COM INTELIGÊNCIA, TRABALHO E DIGNIDADE O DOM DA ARTE E DA VIDA.

 

QUE O LAMENTO DE TODOS SEJA UM CANTO DE ESPERANÇA, POIS NÃO MORRE NUNCA QUEM VIVE NO CORAÇÃO DA GENTE. DEIXA-NOS SAUDADES ÀQUELE QUE, PELO SEU CARINHO, SUAS IDEIAS E SUA ARTE INSERIU-SE DEFINITIVAMENTE NA HISTÓRIA DE NOSSA CIDADE.

Unidades Culturais


 

Editais

  • Artes Cênicas
  • Artes Populares
  • Artes Visuais
  • Literatura
  • Música
  • Artes Integradas

Política Cultural

Patrimônio Cultural